Milestone – LICEU – SÃO PAULO

150 Anos de História

O Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo celebra seu 150º aniversário marcando uma trajetória rica e inspiradora de educação técnica profissionalizante e formação de cidadãos atuantes nos mais diversos segmentos da sociedade. Ao longo desses 150 anos, o Liceu tem sido um farol de ensino e uma referência no campo das artes e ofícios. Vamos embarcar em uma jornada histórica, destacando momentos-chave que moldaram essa instituição icônica.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1873

1873

Nasce a Sociedade Propagadora de Instrução Popular com o objetivo de formar gratuitamente o “bom e consciente cidadão” sem distinção de classes. A entidade constituiu-se como projeto educacional de iniciativa particular, assumindo papel importante e suprindo demandas sociais.
Leôncio de Carvalho, fundador

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1874

1874

Iniciam-se, na Rua São José (atual Líbero Badaró), em fevereiro de 1874, as aulas noturnas de Instrução Elementar para adultos, ministradas pelos professores Carlos A. Ferreira, Silveira Caldeira e Antônio Gabriel Frazen. Pouco tempo depois, aulas de Geografia, Cosmografia, Ciências Sociais e História entram na grade.

Liceu 1882

1882

A escola noturna da Propagadora é ampliada e reorganizada sob o nome de Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo. São criados um curso especial de Artes e Ofícios e um curso de Comércio e Agricultura.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1884

1884

É inaugurada a primeira exposição dos trabalhos dos alunos, com a presença da Princesa Isabel e do Conde D’Eu.

Liceu 1895

1895

O engenheiro e arquiteto Ramos de Azevedo passa a integrar a diretoria do Liceu e elabora um programa de Ensino Técnico voltado prioritariamente ao ramo da construção, com ênfase no desenho.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1930

1930

A busca da população por instrução reflete o crescimento do Liceu. Entre 1894 e 1933
passam pelas salas de aula da instituição mais de 35 mil alunos, sendo 18.725
nos cursos preliminares e 16.754 nos cursos de artes.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1928

1928

Falece Ramos de Azevedo, o “mestre dos mestres” e grande visionário que, por meio da educação e do ensino das artes e ofícios, no Liceu, moldou a cidade de São Paulo.

Liceu 1921

1921

Construção do Arco do Triunfo – com projeto de Ramos de Azevedo e realizado com mão de obra do Liceu –, construído para homenagear a passagem do presidente da República Epitácio Pessoa pela cidade.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1907

1907

Com o rápido crescimento do Liceu, há a necessidade de ampliação das oficinas instaladas na Rua da Cantareira, onde o Liceu permanece até hoje.

Liceu 1897

1897 a 1900

O engenheiro e arquiteto Ramos de Azevedo passa a integrar a diretoria do Liceu e elabora um programa de Ensino Técnico voltado prioritariamente ao ramo da construção, com ênfase no desenho.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1932

1932

Início da fabricação de hidrômetros para a Repartição de Águas e Esgotos, sob licença da Siemens e com a marca LAO.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1934

1934

Inauguração do Monumento a Ramos de Azevedo, projetado por Galileo Emendabili e construído por subscrição popular, por iniciativa de amigos e colaboradores.

Liceu 1937

1937

Neste período o Liceu torna-se uma escola-indústria de grande porte, com 1.350 alunos, 22 professores, 10 mestres-gerais, 28 contramestres e 584 operários e aprendizes.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1942

1942

Definitivamente, o Liceu se consolida como escola e indústria renomadas, com mais de 1.500 alunos, 1.200 operários e 350 aprendizes.

Liceu 1954

1954

Comemora-se o IV Centenário de São Paulo com o protagonismo do Liceu e de um de seus alunos mais proeminentes: Victor Brecheret. O autor do Monumento às Bandeiras funde a grandiosa escultura do Monumento a Duque de Caxias nas oficinas do Liceu.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1981

1981

Sintonizado com a evolução do mercado, o Liceu dá início aos cursos de Eletrotécnica e Eletrônica.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1980

1980

É inaugurado o primeiro centro cultural da cidade, o Centro Cultural do Liceu de Artes e Ofícios. Neste ano, a instituição passa a oferecer cursos livres de Artes Plásticas, Pintura, Tapeçaria, Escultura-entalhe, Escultura de barro, entre outros.

Liceu 1972

1972

O Liceu constrói a sua fábrica no bairro da Água Branca onde são produzidos os hidrômetros. Nesta época o Liceu fornece o equipamento para o mercado interno, além de exportá-lo para Paraguai, Bolívia, Uruguai e Colômbia.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1968

1968

É inaugurada a sede definitiva do Museu de Arte São Paulo. Para essa obra notável, a arquiteta Lina Bo Bardi encomenda ao Liceu a produção da arrojada estrutura de
caixilharia.

Liceu 1955

1955

Na década de 1910, o Liceu é responsável pela construção de grades, portas, portões, refletores, corrimãos e lustres de bronze, portas e janelas, poltronas, cadeiras e tapeçarias do Theatro Municipal de São Paulo. Em 1955, na reforma do teatro, cabe ao Liceu o fornecimento das novas poltronas e cadeiras, todo o trabalho de madeira do palco, decorações e aparelhos de bronze para iluminação.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1985

1985

O Liceu transfere sua indústria para o município de Osasco.

Nesta mesma época, o Liceu desenvolve o design dos quiosques de autoatendimento do Banco24Horas e do Banespa e começa
a produzi-los.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1993

1993

Atingida a marca de
633 mil espectadores do espetáculo de som e luz “Arte e Humanismo”, encenado no
Centro Cultural.

Na celebração dos 120 anos do Liceu, o Grupo Corpo é convidado para apresentar os espetáculos “21” e “Nazareth” no Theatro Municipal de São Paulo.

Liceu 2002

2002 e 2003

A escola passa a disponibilizar a opção de Ensino Médio regular, sem obrigatoriedade
de nível técnico. Um ajuste na LDB permite a existência de curso de nível médio e técnico integrados, similar aos moldes anteriores, o que possibilita ao Liceu ministrar cursos de Eletrônica, Edificações, Mecânica e Telecomunicações.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2003

2003

O Liceu retoma seus cursos livres e de curta duração voltados para a indústria, como Hidráulica, Elaboração de Projetos Sociais, Desenho de Perspectiva e de Gases Combustíveis.

Liceu 2008

2008

O Liceu inova com o ensino técnico voltado ao terceiro setor por meio dos cursos de Gestão de Negócios Culturais, Produção de Eventos Culturais e Produção Multimídia.

É criado o FLIT, Festival de Literatura e Teatro, pelos professores Emmanuel Souza e Paulo Cesar Carraturi, atividade que se mantém até os dias atuais.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2023

2023

150 anos de sucesso: o Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo celebra seus 150 anos de história e sucesso. Ao longo desse tempo, a instituição formou inúmeros profissionais
talentosos e cidadãos engajados, que contribuíram e continuam contribuindo para o desenvolvimento da nossa sociedade.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2022

2022

Tem início o funcionamento do laboratório de Programação & Robótica com o objetivo de integrar os alunos às tecnologias de robótica, IOT e inteligência artificial.

Liceu 2018

2018

Reinauguração do novo Centro Cultural do Liceu. Um novo prédio é construído unindo elementos da antiga construção com o moderno, tornando-se um espaço admiravelmente singular.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2014

2014

O Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo realiza o Dossiê Artístico da Formação das Línguas e o Sarau Literário, pertencentes à área de Códigos, Linguagens e Idiomas.

Um incêndio de grandes proporções destrói o Centro Cultural e parte de seu acervo.

Liceu 2009

2009

São desenvolvidos cursos técnicos em Edificações, Eletrônica e Multimídia para formação de mão de obra especializada nessas profissões.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1873

1873

Nasce a Sociedade Propagadora de Instrução Popular com o objetivo de formar gratuitamente o “bom e consciente cidadão” sem distinção de classes. A entidade constituiu-se como projeto educacional de iniciativa particular, assumindo papel importante e suprindo demandas sociais.
Leôncio de Carvalho, fundador

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1874

1874

Iniciam-se, na Rua São José (atual Líbero Badaró), em fevereiro de 1874, as aulas noturnas de Instrução Elementar para adultos, ministradas pelos professores Carlos A. Ferreira, Silveira Caldeira e Antônio Gabriel Frazen. Pouco tempo depois, aulas de Geografia, Cosmografia, Ciências Sociais e História entram na grade.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1882

1882

A escola noturna da Propagadora é ampliada e reorganizada sob o nome de Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo. São criados um curso especial de Artes e Ofícios e um curso de Comércio e Agricultura.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1884

1884

É inaugurada a primeira exposição dos trabalhos dos alunos, com a presença da Princesa Isabel e do Conde D’Eu.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1895

1895

O engenheiro e arquiteto Ramos de Azevedo passa a integrar a diretoria do Liceu e elabora um programa de Ensino Técnico voltado prioritariamente ao ramo da construção, com ênfase no desenho.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1897

1897 a 1900

O engenheiro e arquiteto Ramos de Azevedo passa a integrar a diretoria do Liceu e elabora um programa de Ensino Técnico voltado prioritariamente ao ramo da construção, com ênfase no desenho.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1907

1907

Com o rápido crescimento do Liceu, há a necessidade de ampliação das oficinas instaladas na Rua da Cantareira, onde o Liceu permanece até hoje.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1921

1921

Construção do Arco do Triunfo – com projeto de Ramos de Azevedo e realizado com mão de obra do Liceu –, construído para homenagear a passagem do presidente da República Epitácio Pessoa pela cidade.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1928

1928

Falece Ramos de Azevedo, o “mestre dos mestres” e grande visionário que, por meio da educação e do ensino das artes e ofícios, no Liceu, moldou a cidade de São Paulo.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1930

1930

A busca da população por instrução reflete o crescimento do Liceu. Entre 1894 e 1933
passam pelas salas de aula da instituição mais de 35 mil alunos, sendo 18.725
nos cursos preliminares e 16.754 nos cursos de artes.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1932

1932

Início da fabricação de hidrômetros para a Repartição de Águas e Esgotos, sob licença da Siemens e com a marca LAO.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1934

1934

Inauguração do Monumento a Ramos de Azevedo, projetado por Galileo Emendabili e construído por subscrição popular, por iniciativa de amigos e colaboradores.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1937

1937

Neste período o Liceu torna-se uma escola-indústria de grande porte, com 1.350 alunos, 22 professores, 10 mestres-gerais, 28 contramestres e 584 operários e aprendizes.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1942

1942

Definitivamente, o Liceu se consolida como escola e indústria renomadas, com mais de 1.500 alunos, 1.200 operários e 350 aprendizes.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1954

1954

Comemora-se o IV Centenário de São Paulo com o protagonismo do Liceu e de um de seus alunos mais proeminentes: Victor Brecheret. O autor do Monumento às Bandeiras funde a grandiosa escultura do Monumento a Duque de Caxias nas oficinas do Liceu.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1955

1955

Na década de 1910, o Liceu é responsável pela construção de grades, portas, portões, refletores, corrimãos e lustres de bronze, portas e janelas, poltronas, cadeiras e tapeçarias do Theatro Municipal de São Paulo. Em 1955, na reforma do teatro, cabe ao Liceu o fornecimento das novas poltronas e cadeiras, todo o trabalho de madeira do palco, decorações e aparelhos de bronze para iluminação.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1968

1968

É inaugurada a sede definitiva do Museu de Arte São Paulo. Para essa obra notável, a arquiteta Lina Bo Bardi encomenda ao Liceu a produção da arrojada estrutura de
caixilharia.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1972

1972

O Liceu constrói a sua fábrica no bairro da Água Branca onde são produzidos os hidrômetros. Nesta época o Liceu fornece o equipamento para o mercado interno, além de exportá-lo para Paraguai, Bolívia, Uruguai e Colômbia.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1980

1980

É inaugurado o primeiro centro cultural da cidade, o Centro Cultural do Liceu de Artes e Ofícios. Neste ano, a instituição passa a oferecer cursos livres de Artes Plásticas, Pintura, Tapeçaria, Escultura-entalhe, Escultura de barro, entre outros.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1981

1981

Sintonizado com a evolução do mercado, o Liceu dá início aos cursos de Eletrotécnica e Eletrônica.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1985

1985

O Liceu transfere sua indústria para o município de Osasco.

Nesta mesma época, o Liceu desenvolve o design dos quiosques de autoatendimento do Banco24Horas e do Banespa e começa
a produzi-los.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 1993

1993

Atingida a marca de
633 mil espectadores do espetáculo de som e luz “Arte e Humanismo”, encenado no
Centro Cultural.

Na celebração dos 120 anos do Liceu, o Grupo Corpo é convidado para apresentar os espetáculos “21” e “Nazareth” no Theatro Municipal de São Paulo.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2002

2002 e 2003

A escola passa a disponibilizar a opção de Ensino Médio regular, sem obrigatoriedade
de nível técnico. Um ajuste na LDB permite a existência de curso de nível médio e técnico integrados, similar aos moldes anteriores, o que possibilita ao Liceu ministrar cursos de Eletrônica, Edificações, Mecânica e Telecomunicações.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2003

2003

O Liceu retoma seus cursos livres e de curta duração voltados para a indústria, como Hidráulica, Elaboração de Projetos Sociais, Desenho de Perspectiva e de Gases Combustíveis.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2008

2008

O Liceu inova com o ensino técnico voltado ao terceiro setor por meio dos cursos de Gestão de Negócios Culturais, Produção de Eventos Culturais e Produção Multimídia.

É criado o FLIT, Festival de Literatura e Teatro, pelos professores Emmanuel Souza e Paulo Cesar Carraturi, atividade que se mantém até os dias atuais.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2009

2009

São desenvolvidos cursos técnicos em Edificações, Eletrônica e Multimídia para formação de mão de obra especializada nessas profissões.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2014

2014

O Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo realiza o Dossiê Artístico da Formação das Línguas e o Sarau Literário, pertencentes à área de Códigos, Linguagens e Idiomas.

Um incêndio de grandes proporções destrói o Centro Cultural e parte de seu acervo.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2018

2018

Reinauguração do novo Centro Cultural do Liceu. Um novo prédio é construído unindo elementos da antiga construção com o moderno, tornando-se um espaço admiravelmente singular.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2022

2022

Tem início o funcionamento do laboratório de Programação & Robótica com o objetivo de integrar os alunos às tecnologias de robótica, IOT e inteligência artificial.

150 anos de história do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo,
Liceu 2023

2023

150 anos de sucesso: o Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo celebra seus 150 anos de história e sucesso. Ao longo desse tempo, a instituição formou inúmeros profissionais
talentosos e cidadãos engajados, que contribuíram e continuam contribuindo para o desenvolvimento da nossa sociedade.

ENDEREÇO

Rua da Cantareira, 1351 – a 5 minutos
a pé da estação Tiradentes do Metrô

TELEFONE

(11) 2155-3300

E-MAIL

contato@liceuescola.com.br